Caderno do explorador

Olá exploradores!

Voltamos de novo ao isolamento social, mas não é por isso que vamos deixar de manter a ligação com o meio natural, seja a partir de uma janela, varanda ou até do jardim. Sabias que as crianças que passam mais tempo ligadas à natureza também têm melhor saúde mental e são mais felizes? Por isso, esta semana partilhamos contigo uma atividade que se chama o “CADERNO DE EXPLORADOR”. Este é uma excelente forma de registar as descobertas realizadas na natureza e também é uma atividade ideal para realizares em família. Nele é possível escrever, desenhar, pintar e colar todas as experiências vividas no meio ambiente, seja através daquilo que consegues ver, ouvir, sentir, provar ou cheirar.

Deixamos-te aqui alguns passos para te orientar na criação do teu “CADERNO DE EXPLORADOR”:

  1. Arranja um caderno, um dossier, ou simplesmente uma resma de folhas furadas e agarradas com um pedaço de lã;
  2. Faz uma capa com o título “CADERNO DO EXPLORADOR” e coloca a tua identificação. Desenhos, fotografias ou colagens de elementos naturais são algumas possibilidades para decorares a capa; 
  3. Escolhe o local onde irás iniciar a exploração: o quintal de casa, a varanda, um pinhal próximo de casa onde não estejas em contacto com outras pessoas que não as que moram contigo, etc. Não esquecer de teres à mão algum material para fazer os registos, como lápis, tintas ou cola.

Tens aqui algumas ideias para iniciares a exploração:

– Começa por registar, por exemplo, como está o tempo/ a estação do ano ou o que se pode ouvir, cheirar ou observar no local;

– Regista quantos pássaros, árvores, flores, etc. observas;

– Coleciona e cola folhas, pétalas e outros elementos naturais;

– Usa diferentes materiais de desenho e pintura para retratar os temas de exploração;

– Escreve uma história, um poema ou até uma canção inspirados no local;

– Regista os conhecimentos adquiridos durante a exploração como o nome de plantas ou animais observados, como estes se alimentam, como se reproduzem, etc.;

– Cola fotografias daquilo que observaste.

Vamos explorar? 😉

Dá asas a tua imaginação e não te esqueças de partilhar as tuas engenhocas connosco!