expressions françaises, sun, sweat

Porque é que transpiramos?

Transpirar não é agradável, mas é necessário. É pela transpiração que o corpo mantém uma temperatura adequada ao bom funcionamento do organismo. Estamos sempre a transpirar, mesmo sem notar.


Quando o suor evapora, o corpo arrefece e dissipa o calor gerado pelo metabolismo – a transpiração só fica “visível” na pele quando a saída do suor excede a taxa de evaporação, o que é mais frequente no tempo quente e durante a realização de exercícios físicos, principalmente os de alta intensidade ou de longa duração.


Porém, uma transpiração exagerada pode gerar uma perda excessiva de minerais e, no pior dos casos, gerar um desmaio, chamado, em termos médicos, de síncope: é um estado que o corpo atinge quando há uma queda de pressão e, por causa do esforço físico, o cérebro não recebe a quantidade de oxigénio necessária.


O organismo está sempre a produzir energia. Apenas com os afazeres normais do quotidiano, sem realizarmos qualquer atividade física especialmente pesada, consumimos, a cada dia, perto de 2.000 a 2.500 quilocalorias (kcal) de energia química na forma de alimentos. As tarefas mecânicas, como andar, subir escadas, levantar coisas simples como um copo, consomem 20% ou 30% da energia total. A maior parte, cerca de 70% a 80%, é usada apenas para manter o funcionamento basal do organismo – o coração a bater, o sangue a circular, os rins, o fígado e o cérebro a funcionar, o que gera a energia térmica que mantém a temperatura corporal próxima dos 37ºC.


Para garantir essa estabilidade, por exemplo, se perdemos mais energia térmica do que estamos produzindo internamente, sentimos frio e os músculos tremem para produzir calor. E transpiramos quando fazemos atividades físicas pesadas e produzimos muita energia, para manter a nossa temperatura estável.

Sabias? Deixamos-te um pequeno vídeo que explica este mecanismo.