Dia Internacional da Igualdade Feminina

É a 26 de agosto que se celebra o Dia Internacional da Igualdade Feminina. Esta data comemora as conquistas das mulheres na sociedade ao longo da história, na luta por condições de igualdade entre géneros. O dia foi criado para celebrar a igualdade de géneros, além de promover reflexões sobre as relações de poder na sociedade, em que os homens são privilegiados. Dessa forma, tem como intuito de agir no combate à desigualdade, para se obter a plena equivalência entre homens e mulheres.

Graças ao movimento feminista, as mulheres alcançaram muitas vitórias ao longo das últimas décadas, como o direito ao voto, a entrada no mercado de trabalho, no ensino, e na vida política. Porém, ainda existem muitas situações a melhorar, como a igualdade salarial e o fim da violência contra a mulher. Violência tal que, muitas vezes, leva ao que chamamos de feminicídio (assassinato de mulheres em contexto de violência doméstica ou por aversão ao género).

De forma a reconhecer a Igualdade e a Não Discriminação como condição para a construção de um futuro sustentável, Portugal implementou a Estratégia Nacional para a Igualdade e a Não Discriminação 2018-2030 «Portugal + Igual».

A prevenção da violência, a promoção da igualdade de género e do respeito pelos/as outros/as deve ser uma prioridade na educação das nossas crianças, uma vez que é fundamental para o seu desenvolvimento. Segundo especialistas, pequenas atitudes como expor crianças a personagens diversas em livros e filmes ou dividir o trabalho doméstico igualmente dentro de casa podem redefinir os padrões de comportamento para essa e para as próximas gerações e ampliar o acesso de mulheres a recursos e oportunidades.

De seguida deixo-lhe um conjunto de ações que poderá praticar com os seus filhos de forma a que ambicionem um futuro mais igualitário!